quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

A nossa comunicação deve ser Altruísta

Nossas palavras são sinais que sempre evocam algum tipo de reação. Ao escrevermos, a escolha dos termos e o estilo são cruciais para a comunicação. Quando falamos ao telefone, sofremos a influência de outros fatores, como por exemplo o nosso tom de voz. Cara a cara, os sinais vocais e visuais costumam ter um impacto maior do que as palavras isoladamente.
Muitas vezes não pensamos no efeito que as palavras podem causar, mas devemos evitar algumas armadilhas que levam a percepções e reações negativas. É preciso escolher as palavras com cuidado! O mais importante é que, antes de falar, devemos pensar o seguinte: ‘Se alguém dissesse isso para mim, como eu interpretaria?”.

Não devemos nunca usar frases que exprimam exigência, que discriminem, que ofendam, nem palavras negativas. Todas essas formas de comunicar causam o mesmo efeito: geram mágoa, desestímulo e desânimo.
Temos que ter em mente sempre uma premissa: “Você antes de mim”. Somos egocêntricos, em maior ou menor medida. Por isso devemos construir nossa comunicação dando ênfases ao outro. Um exemplo: em vez de dizermos “estou satisfeito com o seu trabalho”, devemos dizer “você está de parabéns”.

Para isso podemos começar essa mudança dando três passos:
PRIMEIRO PASSO: é preciso transmitir a mensagem com clareza. Ser direto, sem ser grosseiro. Não devemos suavizar as palavras ou dar voltas, como se estivéssemos tentando evitar o assunto. Devemos falar diretamente!
SEGUNDO PASSO: para sermos diretos, devemos ser claros em nossa mensagem. É importante evitar palavras e expressões que deem margem a interpretações cujo sentido varie conforme a percepção pessoal. Palavras como ‘muitos’, ‘alguns’, ‘raramente’, ‘frequentemente’ não devem ser usadas. Usar palavras como ‘nunca’, ‘nada’ e ‘sempre’ também pode ser um grande erro, a menos que você tenha certeza de que pode usá-las. Generalizar costuma refletir preguiça de pensar. E não é isso que se espera de um líder!
TERCEIRO PASSO: além do que já falamos, é importante também não ter preocupação apenas com a forma como as pessoas interpretam o que dizemos, mas também com a maneira como falamos. Geramos mais sentimentos positivos quando nos comunicamos com cortesia. Todos gostam de ouvir ‘por favor’, ‘obrigado’, ‘de nada’, ‘com licença’. Sorrir ao falar e falar com sinceridade faz toda diferença!
:: FERNANDO BORJA [GERAÇÃO DE JOSÉ]
Fonte: http://www.lagoinha.com/ibl-vida-crista/a-nossa-comunicacao-deve-ser-altruista/

domingo, 12 de novembro de 2017

O Agir Invisível de Deus...

Existem situações na vida que fogem do nosso controle e que, normalmente, deixam-nos de “cabelo em pé”. Não entendemos o porquê de algumas delas e, quase sempre, tentamos buscar respostas.
Alguns fatos podem acontecer com todo mundo: uma batida de carro, uma doença repentina, um acidente, um momento de dificuldade financeira, um pneu furado no meio da estrada etc.
Quero, por meio deste texto, levar cada um de vocês a uma reflexão. Meu objetivo aqui não é trazer respostas prontas aos questionamentos que você talvez já tenha feito diante de alguns dilemas que podem ocorrer com qualquer um de nós.
Em Eclesiastes capitulo 11, versículo 5, está escrito: “Assim como você não conhece o caminho do vento, nem como um corpo é formado no ventre de uma mulher, também não pode compreender as obras de Deus, o Criador de todas as coisas”.

Ao ler o texto e, principalmente, quando Salomão diz que o que Deus faz nem sempre é compreensível aos nossos olhos, consigo ver claramente a seguinte realidade: nem sempre vamos entender muitas das coisas que acontecem em nossa vida.
Porém precisamos crer que Deus permite que as coisas aconteçam para o nosso bem (Rm 8.29). Esse é o agir invisível de Deus, e pode ser contemplado por meio das coisas mais simples ou, até mesmo, das situações mais complexas que vivenciamos.
Portanto o grande desafio é mudar a forma como enxergamos os problemas e começar a crer que, apesar das lutas e dificuldades, Deus tem algo para nos ensinar, ou, quem sabe, algo do que nos livrar. Ele está cuidando de nós e tem pensamentos a nosso respeito que estão acima do nossa mente e raciocínio (Is 55.8).
:: PR. BRUNO BACELAR [SITE NOPAPOCABECA.COM.BR]
Fonte: http://www.lagoinha.com/ibl-vida-crista/o-agir-invisivel-de-deus/

PALAVRA DE DEUS SEMPRE GENUÍNA...!